sexta-feira, outubro 03, 2008

Conversas de Café (15)

- Andas a fugir muito aos temas da actualidade...

- Achas? Se calhar estou cansado da actualidade.
- Nem uma farpita ao BB por causa da casinha dele...
- Para falar dele, tinha de falar também dos outros três mil e tal.
- Se te oferecessem uma casa, aceitavas?
- Essa pergunta não faz sentido, porque não é disso que se trata. Não se trata de ofertas mas sim de pedidos de casas.
- Está bem, eu reformulo a pergunta. Eras rapaz para pedir uma casa à Câmara?
- Não.
- Porquê?
- Por achar que não tenho necessidade disso.
- O BB tinha mais necessidade que tu?
- Não sei. É possível que tivesse. Não faço ideia.
- Estás a gozar comigo, não é?
- Não, não estou. Não sei qual é a vida do senhor.
- Mas sabes o que ele escreve nas crónicas. É um verdadeiro "caçador de corruptos", maus governantes e de sujeitos com enfermidades de carácter, sem as coisas que ele pensa que tem, honra, verticalidade, honestidade, etc.
- Ele é igual a outros tantos que andam por aí, gostavam que nós só olhássemos para o que dizem e não para o que fazem, como se fossemos todos estúpidos.
- Tens razão, infelizmente as tiras de opinião dos jornais estão cheias de falsos moralistas...
- Então, estamos conversados...

O desenho é de Manuel Gamboa.

8 comentários:

Maria disse...

É isso, estamos conversados, Luís...

Beijinho

instantes e momentos disse...

vim conhecer teu blog, muito bom tudo aqui.
Tenha um ótimo final de semana.
maurizio

Alice C. disse...

Sem querer desvalorizar a questão, há coisas bem mais graves na Câmara de Lisboa. Imagina só, Luís, o número de pessoas que têm entrado nos quadros da Autarquia, apenas por pertencerem aos partidos, em vésperas de eleições. E para lugares quase sempre de chefia, mesmo sem perceberem nada de horta.

É uma vergonha!

beijinho

Lúcia disse...

Hmmm... há aqui qualquer coisa que me escapou, Luis. Vou já actualizar-me nas notícias a ver se isto é o que estou a pensar.

Luis Eme disse...

infelizmente estamos, Maria...

mas estou curioso, será que o Batista-Bastos, vai continuar a zurzir tudo e todos?

Luis Eme disse...

bem vindo Maurizio.

Luis Eme disse...

nem quero chafurdar nesso lodo, Alice...

Luis Eme disse...

acho que não, Lúcia...