quarta-feira, março 26, 2008

A Festa das Artes da SCALA


Esta noite foi inaugurada a Festa das Artes da SCALA, na Oficina de Cultura de Almada.
Registei várias curiosidades: a ausência de qualquer elemento do Município na inauguração (penso que pela primeira vez...); e também a ausência de bastantes artistas, naquela que deveria ser a sua Festa...
Se a primeira, não me merece qualquer comentário, em relação à segunda, sou incapaz de encontrar uma explicação lógica por este "desamor" dos artistas pela sua própria Arte...

6 comentários:

Cris Caetano disse...

Tudo errado, Luís: a "autoridade" pública deveria comparecer pela importância do espaço e os artistas...enfim, nem se fala...como tu disseste bem: demonstraram desamor pela arte.

Parabenizo o espaço e torço para que este dure, apesar de seu início ter sido tão discreto.

Beijinho

Maria P. disse...

Que os primeiros não estejam...agora os artistas, que não percam a força.

Beijinho Luís M.

OBSERVADOR disse...

A SCALA merece muito respeito.
Por isso, fico indignado com a ausência de um representante da autarquia.
O autismo já chegou a este ponto?

Sobre a ausência dos artistas, acho estranho mas não estranho...

Luis Eme disse...

Não sei, Cris...

Tudo errado ou tudo certo... nós, os outros, é que somos uns teimosos...

Luis Eme disse...

Mas perdem, M. Maria Maio...

claro que foi a 14ª exposição colectiva, mas...

Luis Eme disse...

Nem vou comentar o autismo, Observador...

provavelmente ficaram todos a digerir a derrota da selecção de Scolari, lá por casa...