segunda-feira, outubro 26, 2009

Manhã Submersa

O nevoeiro apareceu hoje, bem cedo, e tomou conta da manhã.

Não foi demasiado denso, ao ponto de não se ver um palmo à frente, assustando os viajantes do Tejo, mas roubou-nos o horizonte.
O Ginjal estava assim., sem viv'alma..

12 comentários:

Observador disse...

Reparei no pormenor, ao vivo.

Lembrei-me de uma manhã de inverno.

Se me é permitido, até com o nevoeiro por perto, o Tejo encanta...

Maria disse...

Gosto destas manhãs assim, fresquinhas...

Beijinho, Luís

Cris Caetano disse...

E muita gente não me entende quando gosto de um dia assim... mas eu adoro um sol. :)

Beijinhos

Maria P. disse...

Estava com alguém, senão não havia foto!:)

Bjs.

Rosa dos Ventos disse...

Gostei da tua manhã submersa e da outra Manhã Submersa também! :-))

Abraço

CNS disse...

Mas manhãs assim não deixam de ser belas...
bj

Luis Eme disse...

sem dúvida, Observador.

tenho amigos que só gostam de tirar fotografias com nevoeiro...

Luis Eme disse...

eu também, Maria, lembram-me o "Sebastião" que se esconde atrás do nevoeiro...

Luis Eme disse...

os dias sabem bem de todas as maneiras, desde que nos digam bom dia e nos pisquem o olho, Cris...

Luis Eme disse...

ainda bem, Rosa...

Luis Eme disse...

pois não, Cristina. há sempre uma beleza diferente à nossa espera...

Luis Eme disse...

mas não era o Sebastião, M. Maria Maio...