quarta-feira, abril 29, 2009

O Olho de Boi


Esta estrada leva-nos até ao Olho de Boi, vindos de Almada Velha.
Trata-se de mais um topónimo bastante original do nosso Concelho.
Segundo o historiador Raul Pereira de Sousa, o termo "olho" era utilizado para designar exsurgências naturais e por vezes artificiais, na Estremadura.
Como também existe uma mina de água com apreciado caudal no local, Raul Pereira de Sousa também deixou esta pista...
É mais um lugar agradável rente ao Tejo, onde nos bons tempos do Ginjal existiu alguma indústria e um bairro habitacional, onde ainda moram algumas pessoas...

8 comentários:

Maria P. disse...

Mais um bonito recanto...

Beijos, Luís M.

Observador disse...

Tanta história em redor do famoso "Olho de Boi"...

Rosa dos Ventos disse...

"Olho" é o nome de uma nascente no polje de Minde e que só vem à superfície, no Inverno, depois de grandes chuvadas.
Costumamos até dizer:
- Já rebentou o "Olho"!
E ficamos felizes quando isso acontece.
Significa que a Natureza está a "funcionar".
Quando o "Olho" não "rebenta" é ano de seca...

Abraço e gostei de conhecer um pouco melhor a "banda de lá"

Ana disse...

Bonita esta foto.

Passei mais de duas semanas do outro lado do rio, vendo esta mesma ponte da janela do hospital onde estive a acompanhar um familiar que foi operado.

O rio é uma beleza, de dia, de noite, do lado de cá ou de lá.

Beijinho, Luís.

Luis Eme disse...

sem dúvida, M. Maria Maio.

Luis Eme disse...

é verdade, Observador...

Luis Eme disse...

sim, há essa ligação à água, Rosa, e à sabedoria popular.

Luis Eme disse...

espero que tenha corrido tudo bem, que a visão do Tejo te tenha confortado e "esquecido" (momentaneamente, claro)do lugar onde estavas, Ana.