terça-feira, janeiro 15, 2008

Não é o Mundo, nem os Deuses, Somos Nós...


Embora este "nós" seja demasiado vasto (quase planetário), de certeza que não é o Mundo, nem são os Deuses, os grandes culpados da ascensão ao poder de figuras como Bush, Sarkozy ou Chavez, para não divagar mais...
Somos nós, através do poder do voto popular, que colocamos gente desta, a liderar os nossos países...
Somos quase sempre enganados pelas promessas populistas, ou então queremos, pura e simplesmente, "castigar" a incompetência de quem (se) governou anteriormente...

A "Recriação do Mundo", de António...

14 comentários:

Observador disse...

Muito mau é quando e se nós somos teimosos e, apesar das provas (não) dadas, insistimos em passar cheques em branco ...

EMALMADA disse...

Só esses três?

vague disse...

Estava à procura do teu mail mas coloco aqui a questão, já q não o encontrei; onde se podem encontrar os teus livros?
obg.

Maria P. disse...

"de quem (se)governou"

Estas palavras creio que dizem tudo, embora não justifiquem a atitude de voto de castigo.

Beijinho*

Manuela disse...

"nós" somos culpados sim... eu ainda mais, sério, não credito em nada, antigamente a palavra era tudo, dava-se a palavra, ficou apalavrado, dizia o meu avô, era uma questão de honra, de respeito para com o próximo...
Agora, nem palavras por escrito e cheias de carimbos em cima valem de nada....

aquele abraço

Sophiamar disse...

Afinal, se alguém está louco não são os deuses. Mas a memória dos homens é curta...

Beijinhossss

Rosa dos Ventos disse...

E nunca mais acertamos!

Abraço

Luis Eme disse...

Tens toda a razão observador...

Até quando?

Luis Eme disse...

A lista é infindável, Em Almada, escolhi estes três pela actualidade e pela influência que têm (esqueci-me foi do filha da Putin)...

Luis Eme disse...

Não encontraste o meu, mas eu encontrei o teu, Vague...

Luis Eme disse...

Olha que às vezes justificam, Maria...

então se um partido se chamar socialista e colocar em prática medidas políticas mais à direita que os chamados partidos da dita...

Luis Eme disse...

É verdade Manuela. Vivemos o tempo em que se mente com todos os dentes e com o ar mais sério do mundo...

Luis Eme disse...

Curtissima, Sophiamar...

Luis Eme disse...

Já é assim há quase duzentos anos (desde que se pode escolher...), Rosa...