segunda-feira, setembro 10, 2007

Cruzeiro no Tejo


Nem tudo é mau nesta Margem do Rio...
Entre outras coisas, há a possibilidade de fazermos um "Cruzeiro pelo Tejo", entre Cacilhas e Belém... mais ou menos de hora a hora, apreciando a beleza das duas margens, e claro, a passagem por debaixo da Ponte 25 de Abril, um momento sempre especial...
Tudo isto por apenas 74 cêntimos, no "ferry" da Transtejo...
No regresso, embora aparentemente não seja das paisagens mais bonitas, é sempre possível descobrir alguma nobreza na decadência do "Casario do Ginjal" que, apesar do abandono, continua a olhar de frente para o Rio...

4 comentários:

EMALMADA disse...

Continua a ser crime deixar ao abandono tão grande e importante património da margem esquerda do Tejo.
Devemos pedir responsabilidades.

Repórter disse...

Há um ante projecto para aquela zona que deve estar fechado numa gaveta qualquer, cheio de bolor e boas (?) intenções.

Mas...
Há sempre um mas.

Luis Eme disse...

É um "crime" de facto...

o pior é que continua a ser fácil arranjar desculpas, mesmo que sejam de mau pagador, "Em Almada"...

Luis Eme disse...

Há um triângulo com três vértices, ocupado pelos donos, Administração do Porto de Lisboa e Município de Almada...

Os donos permanecem no anonimato, os senhores do Porto de Lisboa, também não levantam ondas, os nossos autarcas... dizem que não podem fazer mais nada... apesar de se saber que existem leis, aprovadas, que obrigam os senhorios com casas em mau estado e devolutas a pagar uma taxa de IMI (imposto municipal sobre imóveis), choruda...

E assim vai o nosso mundo, Repórter...