sexta-feira, novembro 10, 2006

Outra Placa Intimidatória...


Não gosto nada de placas intimidatórias e tenho algum medo do que possa vir a seguir...
Talvez sejamos mesmo proibidos de passear pelo Ginjal, porque é mais fácil fechar o passeio ribeirinho ou colocar um guarda, que "lavar a cara" (mesmo que fosse à gato...) e cuidar das casas em ruínas abandonadas.
Todos aqueles que conhecem o Ginjal sabem que as suas casas e armazéns têm a altura de apenas dois pisos (rés de chão e primeiro andar). Pela minha experiência pessoal (ainda ontem passeei pelo velho paredão do Ginjal...) noto que há exagero do Município neste acumular de placas ao longo do passeio ribeirinho.
Não pretendo branquear esta situação, cuja degradação começa a ser bastante preocupante. Mas mantenho, que este perigo de desmoronamento é relativo, e poderia ser rapidamente solucionado com os mesmo tijolos e cimento, com que construiram um muro, nos lugares em pior estado...

10 comentários:

Alice C. disse...

Acho no minimo curiosa esta campanha de "desresponsabilização" da Câmara, com a afixação de placas no Ginjal.

nunocavaco disse...

Infelizmente estas placas também servem para proteger a Câmara municipal mas também como um alerta, como um aviso de perigo.

mfc disse...

Esses placards servem para que a Câmara se desresponsabilize em Tribunal, quando e se acontecer um desgraça pela sua inoperância!

Luis Eme disse...

Pois, é no minimo curiosa, Alice.
Já são muitos anos de prática a "sacudir o capote", sempre que convém.

Luis Eme disse...

Claro Nuno, as placas são um alerta e são também a maneira mais fácil da CMA fugir de problemas futuros...

Luis Eme disse...

Pois é MFC, os "homens da presidente" não andam a dormir, fazem-se é desentendidos e culpam terceiros, quando as coisas dão para o torto.

dulce disse...

E esse passeio desde o Ginjal até ao elevador é tão bonito de se fazer! Agora então com o elevador "em arranjos", fica ainda mais parada aquela zona.

Luis Eme disse...

Pois é Dulce... parece que a proximidade do Tejo os assusta.

Provavelmente falta-lhes alguns pózinhos da "poesia da vida", para conseguirem olhar o mundo que os cerca, com outros olhos...

O Anarquista Duval disse...

Devem estar á espera que as casas caiam para construir um centro comercial

Luis Eme disse...

Provavelmente...
Mas isso ainda vai levar algum tempo "anarquista duval".