terça-feira, novembro 07, 2006

Outono em Cacilhas


Esta fotografia não passa de um "postal" festivo (dia 1 de Novembro), em que as pessoas aproveitam para sair à rua, para ver ou acompanhar a procissão da Nossa Senhora do Bom Sucesso.
A presença de vendedores em Cacilhas faz com que juntem o útil ao agradável e comam uma fartura ou uma dúzia de castanhas assadas, admiradas com o cheiro a povo que invade a antiga Rua Direita e o Largo de Cacilhas neste dia.
Claro que dias não são dias... no domingo seguinte, volta tudo à pasmaceira do costume. O Largo volta a contar apenas com a meia dúzia de pessoas apressadas para apanharem o cacilheiro ou o autocarro, porque o Cais de Cacilhas volta a ser apenas um ponto de passagem...

19 comentários:

aprendiz de viajante disse...

É uma fotografia muito bonita! Tem calor humano!...

Bjo

Alice C. disse...

Luís, ao ver esta fotografia e este lugar lembrei-me logo do chafariz, que já não é do meu tempo, que ficava quase ali. Tenho a certeza que o seu desaparecimento contribuiu para que as pessoas se afastassem do Largo.
Claro que é muito cómodo termos os autocarros logo ali à saída dos barcos, mas não contribue nada para a beleza de todo aquele lugar.
O jardim que a Câmara resolveu plantar ao pé de um dos elevadores públicos com menos clientes que conheço, teria muito melhor utilização rente ao Cais.
(é pá fartei-me de dar á língua...)

A Cor do Mar disse...

Ai Luis, aposto que esta foto foi colocada a pensar na praca da fruta... :)) têm algo de muito parecido .. a mesma cultura nao?
Beijinho*

Ponto Verde disse...

Excelente imagem, cheia de vida que nos remete para as novas e imensas urbanizações onde não se vê vivalma como Santa Marta de Corroios e urbanizações avulsas por essa Almada afora.

Cristina disse...

O postal é bem giro! Eu adoro o Outono e o cheiro das castanhas, só lamento que hoje em dia já não haja realmente Outono!

Luis Eme disse...

Quando alguém que tem das fotos mais bonitas que se vêm na blogosfera, diz que este "postal" sobre os vendedores em Cacilhas, é muito bonito... só me resta dizer: «obrigado Elsa.»

Luis Eme disse...

Alice, ainda há poucos dias falei com uma amiga sobre o desaproveitamento deste Largo, cheio de potencialidades, que poderia ser tudo... menos um terminal de autocarros.
Foi engraçado ires buscar o chafariz. Nesse tempo as pessoas vinham buscar água, davam dois dedos de conversa e a pequenada brincava à sua volta.

Luis Eme disse...

"Cor do Mar" pensei sobretudo nas pessoas, que ainda se juntam em qualquer praça, como a nossa da Fruta...

Luis Eme disse...

Pois é "Ponto Verde", estas imagens começam a ser uma miragem, mesmo em Cacilhas...

Luis Eme disse...

Pois é Cristina, ainda não chegou o Outono das folhas caídas e de alguma melancolia. As castanhas agora já aparecem em quase todas as estações... mas sabem melhor nesta época, sem dúvida.

dulce disse...

Obrigada pela visita. Também passeei por aqui e voltarei.
Um abraço.

mfc disse...

A espontaniedade de tudo o que é característico.

Luis Eme disse...

Aparece sempre Dulce...

Luis Eme disse...

É isso mesmo MFC.

Blackbird disse...

Olá Luis. Quanto sei até do meu trabalho também existe um plano de reaproveitamento para esta zona de cacilhas, podendo também contemplar o ginjal...mas a justificação que foi dada é que as obras serão feitas ao mesmo tempo que as da Margueira... alías apenas quando o plano da margueira estiver pronto é que se poderá definir concretamente o que se poderá fazer em cacilhas! Mais uma não poderei adiantar mais devido a compromissos profissionais!
Abraço Luís.

Luis Eme disse...

Eu acho um erro fazerem-se estas obras todas ao mesmo tempo. Se for assim, Cacilhas vai ficar toda ela em obras... na Margueira, no Almaraz e no Ginjal.
Vai ser bonito...

Blackbird disse...

Sim Luís tem razão...tembém pensei nisso quando ouvi essa justificaçaõ. Mas vamos ver...

Luís para descontrair lanço-lhe um desafio no meu blog, esteja á vontade se não quiserem responder!!!
Abraço.

Luis Eme disse...

"Blackbird" provavelmente não vou poder aceitar o desafio porque tenho tentado várias vezes deixar um comentário no "Voar Mais Alto" e não consigo...

Luis Eme disse...

Este não é o espaço indicado para dar a minha resposta ao "desafio", mas como mais uma vez não consegui abrir os comentários do "Voar Mais Alto", aí vai...
Não aceito o desafio "Blackbird" por uma simples razão , como já tinha sido desafiado antes por uma amiga e declinei o convite, não seria de bom tom estar agora a aceitar o mesmo desafio.