segunda-feira, agosto 18, 2008

Os Sorrisos Voltaram a Pequim

Sou optimista por natureza.

Acreditava na Vanessa, como acredito na Naide e no Nelson.
E também acreditava na Telma e tinha esperança que o João Neto, o João Rodrigues e a dupla Álvaro Marinho e Miguel Nunes, chegassem às medalhas, foi por isso que falei em meia-dúzia...
Claro que até poderia acontecer vermos os nossos atletas regressarem a Portugal sem qualquer medalha. E não era por isso que passavam a ser uns derrotados ou falhados.
Isto não é o futebol, onde os atletas e treinadores passam de besta a bestial num só dia.
Tenho muita pena de ver gente completamente ignorante sobre o trabalho que foi realizado por muitos destes jovens, nos últimos quatro anos, cheios de privações, para se apresentarem nas melhores condições nos Jogos do seu contentamento e de tantos sonhos, ache que tudo o que fica abaixo do pódio é uma porcaria.
Sei que só se lembram da existência de atletismo, judo, triatlo, vela, remo, etc, de quatro em quatro anos, o resto do tempo é passado nos estádios ou em frente ao televisor, a abanar cachecóis, com uma "bejeca" numa mão e uma sandes de "curato" na outra. Mas pelo menos, não precisam de dar palpites. Guardem-nos para os estádios, para os vossos benficas, sportings e portos.
Obrigado Vanessa, por teres colocado esta gente a gritar, por momentos, "Portugal", "Portugal"! Provavelmente até foram buscar os ditos cachecóis à prateleira...

14 comentários:

Rosa dos Ventos disse...

Hoje, graças à Vanessa, andamos todos com um sorriso nos lábios e um pouco ensonados também. :-))
Mas se por fatalidade a nossa menina não conseguisse a proeza de trazer uma medalha, acho que deveríamos ficar orgulhosos dela, igualmente!
Como devemos ficar com todos que foram até lá...
Para chegar a uns jogos olímpicos há que suar muito!

Abraço

Maria P. disse...

Merece os Parabéns claro, e todos eles mesmo sem medalha, merecem o nosso aplauso. Desporto não pode ser só futebol!


Beijos, Luís*

pikenatonta disse...

Concordo plenamente com a tua opinião... E parabéns Vanessa!!

Maria disse...

Eu sabia que vinha encontrar aqui a Vanessa!!!
Foi uma emoção ver subir a bandeira...

Beijinhos, Luís

Debaixo do Bulcão disse...

Ó Luís, eu adoro ver futebol e beber bejecas, pá!

Mas, quando é preciso, levanto-me cedo e vou "treinar". Não fico "na caminha", não desisto assim que me aparece a primeira dificuldade, e não tenho o hábito de me queixar das "arbitragens" (embora, se calhar, até tenha alguma razão para o fazer).

Admiro muito a Vanessa. E pessoas como ela!

Humildade, esforço, dedicação e profissionalismo (isto parece o lema de um clube, mas é apenas coincidência...) são valores infelizmente em desuso, mas que - como ela demonstrou cabalmente - ainda dão frutos.

Dão, e hão-de continuar a dar!

Um abraço

Vitorino

Luis Eme disse...

concordo contigo, Rosa...

Luis Eme disse...

pois não, M. Maria Maio...

Luis Eme disse...

é uma pena que as coisas sejam assim, Pikena...

é o país que temos...

Luis Eme disse...

é sempre, Maria...

Luis Eme disse...

eu também gosto de futebol e bejecas, mas não uso "talas" junto aos olhos, Vitorino.

Há uma grande confusão em tudo isto. Primeiro que tudo temos que dividir os atletas em dois lotes, os amadores e os profissionais, os que lutam pelas medalhas e finais e os que apenas participam nos Jogos... sem pretensões, além de baterem os seus recordes pessoais.

Se querem tornar tudo profissional, digam, mas dêm as mesmas condições a todos os atletas. Se existem atletas de primeira e de segunda, também têm de existir resultados de primeira e de segunda...

Nota: Acho que a Vanessa foi infeliz nos seus comentários, porque foi uma privilegiada (e com todo o merecimento), ao contrário de outros companheiros, inclusive medalháveis, que nunca contaram com um apoio e uma organização séria, por detrás...

OBSERVADOR disse...

Alguns já iam derrotados à partida.
Mau sinal, Luis, mau sinal.

Luis Eme disse...

não diria derrotados, Observador, simplesmente não tinham grandes objectivos no horizonte porque as medalhas eram impossíveis de alcançar...

Cris Caetano disse...

Não só tu acreditava, o comentarista da TV aqui no Brasil também, já que durante a prova deu todos os pitacos favoráveis à Vanessa. :)

Beijinhos

Luis Eme disse...

ela é uma verdadeira campeã, Cris.