quarta-feira, maio 05, 2010

Vestigios de Outro Ginjal (1)


Quando era uma propriedade, havia uma ponte, um cais, ambos privativos...
Agora é outra coisa qualquer. Nem tudo ruiu, ainda há uma placa, para nos recordar ontem.
É aquilo que se chama um "museu" vivo...

6 comentários:

Cris Caetano disse...

Demais! Isso leva a mente à uma viagem.

Beijinhos, Luis

CAP CRÉUS disse...

Adoro este género de placas.
Vamos a ver se esta não desaparece...

Rosa dos Ventos disse...

Se for uma ruína consolidada e a não oferecer riscos de qualquer espécie é melhor que fique assim...a contar uma história...

Abraço

Luis Eme disse...

pois leva, Cris...

Luis Eme disse...

penso que não, mas não sei, Cap...

Luis Eme disse...

mas se fosse dada vida nova a todo o Ginjal, ninguém se chateava, Rosa...