domingo, maio 17, 2009

Cacilhas Também foi "Terra Mundo"

Ontem Cacilhas foi visitada por milhares de pessoas, que quiseram ver e acompanhar em procissão a imagem da Senhora de Fátima (a mesma que tinha visitado a Freguesia, 50 anos antes, quando foi inaugurado o monumento ao Cristo Rei).
N
ão deixa de ser curioso, que os grandes movimentos de massas que se registam na Localidade Ribeirinha, sejam motivados por festejos religiosos.

O grande dia da Freguesia é a comemoração do Primeiro de Novembro, em que se evoca o Milagre da Senhora do Bom Sucesso, cuja imagem acalmou as águas tempestuosas do Tejo, durante o Terramoto de 1755.

8 comentários:

Rosa dos Ventos disse...

De facto, não deixa de ser curioso!

Abraço

Lúcia disse...

Já valeu a pena tudo isto. Para aprender esse milagre da Nª Srª do Bom sucesso.

Bjs, Luís

Maria P. disse...

Esses movimentos que acontecem, ainda, são de facto curiosos, ou talvez não, algo que as pessoas ainda se agarram...

Beijos, Luís M.

Luis Eme disse...

o mundo também é feito de coisas curiosas, Rosa...

Luis Eme disse...

no tempo dos milagres, Lúcia...

Luis Eme disse...

sim, necessidades e fezadas, M. Maria Maio...

Borgia disse...

Será que em Cacilhas a unica entendiade com força para galvanizar as pessoas ainda é a Igreja? Esqueceste-te Luis das Burricads organizadas pelos Escuteiros.
O padre está de parabéns. Consegue mobilizar as pessoas.

Luis Eme disse...

é verdade, a igreja é uma força importante na freguesia.

basta ver a sua capacidade para organizar anualmente as festividades do 1 de Novembro, sem desfalecimentos há mais de um século...

os escuteiros também estão ligados à igreja...

a chamada sociedade civil tem sempre mais dificuldade em puxar para o mesmo lado, graças à deliciosa liberdade individual...