quarta-feira, maio 20, 2009

As Visitas ao Cristo Rei

O padre Sezinando Alberto, reitor do Santuário do Cristo Rei aproveitou as festividades para lamentar que em cada mil visitantes que se deslocam ao monumento, só 9 sobem no elevador, até ao cimo da base da escultura.

E eu pergunto: será que ele ainda não percebeu que quatro euros é demasiado dinheiro para uma simples viagem de elevador, para cima e para baixo?
Provavelmente se o preço fosse metade, a visita à parte superior do Monumento teria pela certa mais do dobro dos visitantes e um natural aumento dos lucros...
Esta história faz-me lembrar os preços abusivos que se praticam nos estádios de futebol e que os deixam cada vez mais vazios.
Será que estes senhores não olham à sua volta, não têm noção do nível de vida dos portugueses (que são mais de 75% do total de visitas), não percebem que quatro euros é um exagero?

16 comentários:

Maria P. disse...

Lá estás tu e o teu mau-feitio!:) Devias frequentar a Igreja aqui da Santa Terrinha, as moedas que se dão a meio da missa não podem ter um valor inferior a 1 Euro!
O Padre não quer...
Pois!Pois!

Beijos, Luís M.

Blackbird disse...

Luís eu almoço por 4€! Por isso concordo contigo que o preço está abusivo!!!! Pensei exactamente como tu quando me disseram o preço! Mas como eu deves conhecer um ditado que diz...Quem tudo quer tudo perde!!!

Abraço

Lúcia disse...

Pois - baixar o preço e aumentar as visitas. Aí está uam relação difícil de fazer, Luís!!

Maria p.
WHAT?! Há mínimos?!

beijinhos

Rosa dos Ventos disse...

4 euros?!
Assim matam uma fonte de rendimento...
Os padres costumam ver mais longe nesta coisa dos dinheiros! :-))
Além dos estádios, o mesmo se passa com o teatro...

Abraço

np disse...

Como as rendas das lojas em pequenos centros comerciais, que depois ficam vazios, num desperdício de espaço, o cinema e tantas outras coisas em Portugal.

Observador disse...

O Pe. Sezinando preocupa-se, é?

Receitas?
Coitado!
O que vale são os dinheiritos que vão escorrendo da autarquia.

alice disse...

o mais incrível é esse tipo de declarações ter saído da boca de um padre, mas certamente que faz parte de uma receita na qual ele deve ter particular interesse... beijinhos, luís.

Luis Eme disse...

quem manda, pode, é só preciso deixar, M. Maria Maio...

Luis Eme disse...

encaixa perfeitamente, Blackbird, quem tudo quer acaba a chuchar no dedo...

Luis Eme disse...

acho que não Lúcia. é só puxar pelos neurónios...

Luis Eme disse...

neste caso parece que não, Rosa...

Luis Eme disse...

é verdade, NP, preferem as moscas...

Luis Eme disse...

parece que sim, ainda vamos falar da "santa emilia", Observador...

Luis Eme disse...

há coisas que nunca se percebem muito bem, então na igreja são "mato", Alice...

CAP CRÉUS disse...

Nem mais! No caso do futebol, se fosse dirigente, preferia ter casa cheia, do que meia dúzia de gatos pingados. Logo reduzia o preço dos bilhetes. Mas era de caras!
Neste caso, faria o mesmo, mas pelos vistos, a Igreja Católica, continua a ser gananciosa...

Luis Eme disse...

parece que sim, Cap.

qualquer dia também há uma dizima minima...