sábado, fevereiro 23, 2008

Teatros Quase de Rua

No começo da tarde de hoje, discute-se o futuro de um pedaço de Cacilhas.

Se fosse um rapaz inocente até era capaz de imitar o outro e dizer: «porreiro, pá!», mas como já cresci um palmo, vou cada vez menos em conversas de políticos...
E nem sequer estou interessado em assistir a mais uma exibição da peça, "Monólogos da Maria Emília" (costuma ser a "animação-surpresa" do programa)...
Mas mesmo assim, estou indeciso, se devo ou não aparecer...

10 comentários:

OBSERVADOR disse...

Para quem goste de mais do mesmo, é de ir.
Pode ser que surja alguma surpresa...

Maria P. disse...

É nestas situações que a presença de determinadas pessoas faz a diferença...

Bom sábado.

nabisk disse...

O amigo não apareceu porque eu não o vi.
Será que perdeu alguma coisa?

alice disse...

a última vez que entrei num posto de turismo foi em porto moniz, na madeira, e fui tão bem recebida, que realmente desejei que houvesse mais espaços destes em outras cidades. talvez seja uma boa ideia, desde que os bombeiros já estejam devidamente reinstalados...

boa noite, luís *

Sophiamar disse...

Amigo, os teus posts são lindíssimos. Vou estar atenta aos teus livros.Hoje mesmo, passo pela FNAC.
Tens desafio no meu blog.
Passa por lá.

Beijinhossss

Luis Eme disse...

Pois, há sempre esperança que as coisa mudem, Observador...

Luis Eme disse...

Nem sempre, Maria Maio...

Até te podem deixar falar (o que nem sempre acontece), mas depois não te respondem, se for uma pergunta pertinente, que mexa com o Municipio, rodeiam apenas a questão...

Luis Eme disse...

Provavelmente perdi alguma coisa, Nabisk. Quanto mais não seja o sorriso (ainda que de plástico) e a simpatia dos "eleitos"...

Não fui porque acabei por ficar preso no trânsito, com a chuvada que caiu quase na hora da sessão(foi a própria natureza que optou por mim...). Um percurso que faço habitualmente em dez minutos, levou quarenta...

Luis Eme disse...

E tanto Cacilhas como Almada, bem precisam de um posto de turismo em condições, Alice...

Luis Eme disse...

Vou arranjar forma de disponibilizar os meus livros por aqui, Sophiamar...

Agradeço o mimo...