terça-feira, maio 07, 2013

Encerramento da Estação dos CTT em Cacilhas


Ontem o presidente da Junta de Freguesia de Cacilhas deu-me um papel, que era um Manifesto contra o encerramento da Estação dos CTT de Cacilhas.

Há poucos minutos passou pela minha rua um carro a anunciar uma concentração; às 10 horas, em frente da Estação de Correios.

Não sou frequentador assíduo deste serviço (tenho sempre a sensação que os Correios de Almada ficam mais perto da minha casa...), mas estou contra o seu fecho. Aliás estou contra esta "epidemia" de encerramentos, que não só engrossa o número de desempregados, como empobrece e esvazia as localidades.

Talvez a grande aposta destes governantes seja baterem recordes, tanto de desemprego como de pobreza...

O que mais me inquieta e espanta é a passividade das pessoas atingidas no "coração" por esta gente merdosa, que se julga muito bem, pelo menos ao espelho.

6 comentários:

Rosa dos Ventos disse...

No domingo assisti a parte da missa da 1ª comunhão de uma sobrinha-neta!
No final sobe ao altar um senhor que, em nome do presidente da junta, informa que está a decorrer a recolha de assinaturas para que não se dê o encerramento dos CTT de Minde, minha terra de nascimento, e apela a que todos assinem esse documento.
Achei interessante esta forma de divulgação num local de culto.
Penso que não é muito habitual.
O encerramento de serviços de proximidade é mais um desatino destes loucos que nos governam!

Abraço

Cris Caetano disse...

Eu vi na SIC, chocante, mas não era em Cacilhas. E ninguém faz nada???? Não pode, tem de fazer barulho.

Beijos, Luis

Paula Raposo disse...

Amanhã já não abre a estação dos Correios no Monte Estoril. Quem quiser que passe a ir ao Estoril ou a Cascais. Assinei eu e muitos um abaixo assinado que de nada valeu. Há mais de 50 anos que aqui moro e sempre existiu uma estação dos CTT. Até coloquei 2 posts sobre o assunto no meu mural no facebook. Retrocedemos??? Uma tristeza...sem comentários.

Luis Eme disse...

loucos e fanáticos, Rosa. :(

Luis Eme disse...

as pessoas manifestam-se mas estes governantes fingem que estão em "ditadura", Cris.

Luis Eme disse...

tristeza mesmo, Paula.