segunda-feira, dezembro 31, 2007

O Futuro Somos Nós


Que 2008 nos dê mais força, para lutarmos pelos nossos ideais e pelos nossos sonhos, abrindo-nos ao mesmo tempo a linha do horizonte que nos cerca, que não se reduz, de certeza, a tanta mediocridade.
Já é tempo de nos livrarmos da "grilhetas" do passado, que também incluem as duas emblemáticas figuras criadas por Rafael Bordalo Pinheiro, a Maria Paciência e o Zé Povinho...
Porque somos muito mais que estas personagens, embora as pessoas que nos governam continuem a olhar para nós como se fossemos meros "bonecos", ou pior, "marionetas".
É preciso acreditarmos que o futuro somos nós!

8 comentários:

Repórter disse...

Acreditemos, Luís.
Apesar das contrariedades e dos faz-de-conta que vegetam por aí.

Abraço

Oris disse...

Então, vamos nessa....
Eu acredito...

Feliz Ano 2008, Luís.

Beijitos

Maria disse...

Olha os bonecos da nossa terra!!!!!
Eu também acredito, Luís, e ainda hoje li um post no relógio de pêndulo (nos meus links), que transcreve um artigo do Manuel Gusmão, que merece ser lido, mesmo...

Bom ano de 2008 para ti e tua família, Luís.
Um abraço forte

Maria P. disse...

Feliz 2008!

Beijinhos de Maio o ano todo*

Rosa dos Ventos disse...

É preciso acreditar e gritá-lo a toda a gente!

Bom Ano e um abraço

Menina_marota disse...

Pensamento positivo! Gostei de o sentir...

Que 2008 seja o começo de voltarmos a acreditar...

Um abraço e FELIZ ANO NOVO ;))

redonda disse...

Gostei dos votos aqui :)
Um Feliz Ano Novo
beijinho
Gábi

Luis Eme disse...

Abraços para vocês, Repórter, Ana, Maria, Maria P, Rosa dos Ventos, Menina Marota e Gábi.

E que se cumpram, pelos menos alguns destes objectivos em 2008.