sexta-feira, agosto 27, 2010

Miradouro da Arealva


Penso que esta é a única fotografia (das doze que fazem parte da mostra "Ginjal Tejo", que está patente a partir de amanhã na Sala Pablo Neruda - Fórum Romeu Correia, Almada), que nunca publiquei no "Casario".

12 comentários:

Observador disse...

Bem bonita.

Rosa dos Ventos disse...

Ainda bem que a publicaste hoje!

Abraço

Cris Caetano disse...

Um espetáculo!!!

Beijos, Luis

Monica Cruz disse...

Boa tarde.
O meu nome é Maria Lomelino Cruz e estudo Arquitectura de Interiores na Faculdade de Arquitectura - Universidade Técnica de Lisboa.
Frequento o último ano do Mestrado Integrado do Processo de Bolonha e teremos que escolher o tema para a dissertação, o trabalho final.

O meu objectivo seria projectar uma extensão do Museu Berardo, nas antigas Instalações da Fábrica de Óleo de Fígado de Bacalhau, em Cacilhas.

Como tal, gostaria de saber se tem alguma informação sobre a história desta fábrica: todo o seu passado, quando fechou, quando abriu, se foi alguma coisa antes, etc.

Qualquer informação seria muito importante!

A sua colaboração seria muito apreciada!

Obrigada,
Maria Lomelino Cruz
mmlcruz@gmail.com

Maria P. disse...

Ainda de férias?! Boa vida:)

beijinho, Luís M.

Luis Eme disse...

também acho mas sou suspeito, Observador.

Luis Eme disse...

sim, Rosa.

Luis Eme disse...

(exagerada) Cris.

Luis Eme disse...

está bem, Maria Cruz.

Luis Eme disse...

não, já estou a fazer coisas, M. Maria Maio...

Cris Caetano disse...

Sou não...

Beijos

Luis Eme disse...

és...