quarta-feira, julho 23, 2008

Olhar o Tejo...


Hoje apetecia-me olhar o Tejo, mesmo que fosse de uma janela velha, como esta, da Quinta da Arealva...
Como as férias são das coisas mais efémeras que nos acontecem, daqui a uns dias, volta tudo ao circuito normal...
E Lisboa sabe sempre bem em Agosto, se não fossem os muitos estrangeiros, quase que se podia dizer, que tinha "fechado" para balanço...

9 comentários:

Maria P. disse...

São as saudades, do Tejo...

Beijos Luís M.

Maria disse...

"Perdi" as tuas palavras na foto, que está belíssima...
... janela de guilhotina, como eu tanto gosto...

Beijinho, Luís

vague disse...

Eu gosto de Lx em Agosto. Não fosse o calor, diria que é umas alturas em q mais gosto de Lx, pelo tempo q parece fluir de uma maneira dócil e sem atropelos. Não fosse o cansaço actual diria tb q em Agosto não me importo de trabalhar :) De certa forma as férias dos outros acalmam os dias de trânsito e as impaciências normais.

Oris disse...

Às vezes pergunto-me para onde vão as pessoas em Agosto. As cidades parecem abandonadas...o que algumas vezes, até sabe bem.

Beijitos, Luís

Lóri disse...

Mal vi a foto, antes de ler o texto, eu disse, "bolas, eu conheço esta janela" e me veio uma doce e alegre memória recente. Que linda a foto com teu texto.

Saudades de ti, querido Guardador! A vida aqui anda tão diferente dessa tua janela e da tua descrição da nossa Lisboa querida, nem te conto.

Saudades de mim, até!

Beijo carinhoso

OBSERVADOR disse...

Oh Luis...
Mas o nosso Tejo é belo.
Qualquer que seja o ponto de onde se vislumbra.

Lúcia disse...

Um dos melhores períodos de férias que passei foi em Lisboa, precisamente em Agosto. Uma paz.
Continuação de boas férias se for caso disso, Luis.
Beijinhos

Sophiamar disse...

E Lisboa sabe sempre bem em Agosto. E este Tejo, lindo, a gosto.

Beijinhos

Boas férias!

Luis Eme disse...

M. Maria Maio, Maria, Vague, Anoris, Lóri, Observador, Lúcia, Sophiamar, o Tejo é sempre novo...

e a Lisboa é mais calma em Agosto, sem sombra de dúvida.