sexta-feira, novembro 21, 2014

É Amanhã...


(síntese crítica publicada no folheto sobre a "18 ª Mostra de Teatro de Almada")

2 comentários:

Elvira Carvalho disse...

Bom então que seja uma m****. Não é isso que se diz? Ou é que partam uma perna?
Desculpe ouvi que em teatro não se deseja aquilo que se deseja para as outras coisas. Tenho pena não morar em Almada.
Um abraço e bom fim de semana

poesia de vieira calado disse...

Não é só a Elvira que tem pena...
Eu também.

Um forte abraço!